Mais sobre a imprensa de games

A E3 está rolando nos Estados Unidos e a imprensa de games tem feito uma cobertura intensa sobre os acontecimentos e novidades que aparecem por lá. São lançamentos, pronunciamentos, apresentações e demonstrações de jogos, consoles e aquela parafernalha que costuma figurar em eventos desse porte. A feira em si é um paraíso para quem gosta de videogame, pois é bem grande e traz entretenimento em todo canto, isso sem contar a presença das grandes mentes por trás dos jogos mais famosos.

Eletronic Entertainment Expo

Porém, nem tudo são flores. A imprensa brasileira, mesmo fazendo uma boa cobertura, trazendo praticamente tudo que acontece em tempo real, parece fazer papel apenas de divulgação e propaganda das novidades e lançamentos. São datas, nomes, anúncios e notícias que funcionam apenas para reproduzir o que foi dito na feira. A atenção dada as novidades é imensa, enquanto outros setores da feira são quase ignorados. Isso e o fato de praticamente não haver comentários nas notícias. É tudo um grande boletim informativo. Não há discussão, por exemplo, do porque da data de lançamento de nenhum jogo em específico, ou sobre as inovações apresentadas no novo console da Nintendo.

Mesmo sabendo  que posteriormente podem até surgir discussões desse tipo, elas são muito poucas e se pautam mais em questões mercadológicas do que qualquer outra coisa. Quando eu falei sobre a diferença entre crítica vs review, isso não se resumia apenas a descrição dos jogos e suas análises. Isso se estende a praticamente todas as notícias relacionadas a games que encontramos na mídia especializada brasileira e em alguns casos estrangeira também.

Porém, não vou ficar aqui apenas falando sobre a imprensa, pois existe o outro lado da moeda, quem le as notícias. Exatamente, pois esse é o típico caso em que a mídia entrega às pessoas o que elas querem ler/ver. É só aparecer alguma matéria que se posiciona, ou que aponta alguma característica que fuja desse ponto de vista mercadológico e os leitores/jogadores já começam a reclamar. Parece que o querem são apenas informações e guias de compra. Buscam pela nota dada ao jogo, sem até mesmo se preocuparem com o porque. Anseiam pelo novo, apresentado na E3, sem pensarem sem existe necessidade para tal.

Muitas vezes a imprensa segue aquilo que o público quer saber

Tudo isso ainda mostra que apesar da participação ativa das comunidades gamers, a maioria dos jogadores ainda é “guiado” pelas grandes produtoras, sem apresentar grande senso crítico. A análise feita pela kotaku sobre Diablo 3 chega a ser assustadora. Mesmo que seja “real” o sentimento de quem escreveu, ela possui algumas afirmações abusrdas, pois põe o jogador na posição de macaco de testes. Eu não quero ser um macaco de testes, quero ser um jogador. Se for para eu me sentir assim, paro de jogar videogame.

E você, se sente um macaco de testes? Ou é um ser humano dotado de inteligência e perspicácia? Sem um preparo adequado para essa mídia, veremos cada vez mais jogadores sendo conduzidos pelo nariz, comprando e gastando, tanto seu dinheiro quanto seu tempo.

Em breve também jogarei Diablo 3 e trarei minha crítica do jogo, afinal não posso apenas apontar problemas sem apontar exemplos.

Até

Anúncios

2 comentários sobre “Mais sobre a imprensa de games

  1. Talvez o problema aqui resida na falta de estímulo à criticidade em nossa vida escolar e profissional, afetando o momento do lazer,mais ligado aos games em geral. A imprensa dá aquilo que o público “quer”, o público quer aquilo que a mídia mais mostra e assim vai… Eu nem ligo, pode lançar o PS99, vou ficar com meu Super Nintendo até o fim dos tempos!

    Parou de postar, malandro? Vê se não desiste! Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s